Órfãos: Chevrolet Corsa

8 jul

Zona sul de São Paulo, em mais uma contribuição de Jefferson.

Clique nas imagens para vê-las em tamanho maior.

 

Curta o #CarroCultura também pelo FB! >>>> http://www.facebook.com/CarroCulturaBlog

Anúncios

16 Respostas to “Órfãos: Chevrolet Corsa”

  1. lieggio 8 de julho de 2013 às 21:37 #

    Ainda está inteiro!!! Tem potencial. É um bom carro para a cidade!!!! Minha mãe já teve um 0Km vermelho. Esse 4 portas tem um bom espaço interno, já o 2 portas é pequeno pra carga, mas ambos tem um espaço interno muito bom. É um carro até bonitinho em vista de alguns outros concorrentes do mesmo ano. Esse aparenta ser bem completo!!!

    Eu seria um tipo de pessoa que adotaria se tivesse perto e como agora!!!!

  2. Carlos Vinicius 8 de julho de 2013 às 22:09 #

    Carro muito bom..tive um do mesmo ano e série na cor vinho perolizado por 7 anos……olha pensa em um carrinho bem acabado e de peças baratas…..dá uma pena ver este nesta situação

  3. Magrão monzeiro 9 de julho de 2013 às 02:21 #

    Esse adotaria sem medo,só colocaria pra funcionar direito e arrumar documentos,pronto,ta ai um bom carrinho pra ralar no dia a dia mesmo.

  4. Homem Mau, Feio e Barbudo do Ferro Velho 9 de julho de 2013 às 03:29 #

    Pode ser que alguma alma boa ainda queira encarar esse osso duro aí….se não estiver muito zoado de mecânica e documentos, serve para algum abnegado ainda usar como meio de transporte…….caso contrário, vai se acabar aí………

  5. tiago 9 de julho de 2013 às 12:59 #

    gosto de corsas de 2000 pra cima e sedans

  6. tiago 9 de julho de 2013 às 13:15 #

    se os documentos estiverem certinho ai ele ja vale uns 7 mil

  7. Magrao Gaúcho 9 de julho de 2013 às 15:47 #

    Ta inteirao ainda. Parece estar sem motor. Eu adotaria ele para o dia a dia.

  8. Dj Braguinha 9 de julho de 2013 às 18:49 #

    Rapaz, eu tive um igualzinho esse aí que vendi ainda esse ano, ano 97. Carro que nunca deu problema de motor, confortável e econômico que só ele. Esses Corsas só tem um problma: são baixos demais, eu vendi o meu por causa disso. Me deixou na mão três vezes pq a descarga caía bem no meio, embaixo so acento do motorista após passar por uma lombada mais alta ou aclives acentuados (comuns nas maravilhosas estradas do Nordeste). Na terceira vez que isso aconteceu, vendi por R$ 5.500, qd o preço de mercado dele ainda era de R$ 8.000.

  9. Daniel 10 de julho de 2013 às 10:53 #

    Tenho um igualzinho, só que preto, 1.6 , ano 2001, está comigo desde 0km, é um excelente carro para a cidade, porém, bebe um pouco e o meu já me deixou na mão algumas vezes por problema de bomba d’água, bomba de combustível e a maldita bobina do distribuidor que quando resolve pifar nem Cristo salva.

  10. Kanduxo 10 de julho de 2013 às 11:26 #

    Esse ainda dá recuperação. Eu adotaria pra rodar no dia a dia e deixar o Classe A 2004 na garagem.

  11. Letoledo 10 de julho de 2013 às 13:27 #

    Meu pai teve um desses igualzinho até no cor. Ficou uns três anos com ele e rodou muito sem grandes despesas de manutenção. Uma vez usei esse carro para descer para as praias do litoral norte de SP. O bichinho, com seu valente motorzinho 1.0, subiu e desceu a íngreme Serra do Mar, pela Rod. dos Tamoios, bravamente sem medo de ser feliz. Eu particularmente não gosto dessas versões do Corsa, acho o acabamento muito simplório, com destaque negativo para o painel, que em minha opinião se trata do mais feio dessa geração.

  12. Rafael Fernandes 10 de julho de 2013 às 16:43 #

    Tenho um Super 2 portas 97/98, é um carro excelente, e encara subidas até bem, em 2 anos com esse Corsinha nunca tive problemas.

  13. Explosivo 11 de julho de 2013 às 00:32 #

    Eu particularmente adoro esses corsinhas ‘B’s. Confortável, econômico, manutenção barata.. Mais um caso que se eu tivesse condições, adotaria a criança..

  14. leandro 20 de julho de 2013 às 21:29 #

    é um carro bom esse ainda tem jeito

  15. junior 4 de setembro de 2013 às 03:51 #

    Como faço para adotar um desses?

    • entornonews 4 de setembro de 2013 às 22:56 #

      Vá até o local procure pelo dono informações que levem a ele. Depois dessa etapa concluída, faça-lhe uma orferta que possa pagar e veja se está tudo de acordo. ;D

Comentar no #CarroCultura!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: