Órfãos: Volkswagen Gol

19 out

Zona Sul, Rio de Janeiro, em primeira contribuição de Thiago Petinari.

Clique nas imagens para vê-las em tamanho maior.

Anúncios

32 Respostas to “Órfãos: Volkswagen Gol”

  1. Márcio 19 de outubro de 2011 às 08:25 #

    Gol bolinha, lixo que a Volks fez aqui no Brasil. Por mim ficará órfão até virar sucata de ferro-velho.
    E digo lixo por por ser um projeto ruim, que vai desde a péssima posição de dirigir até fatores GRAVES como a ausência de segurança. Já vi várias reportagens de acidentes onde um gol bolinha bateu de frente com outro carro e o Gol ficou quase que deformando, matando seus ocupantes (um caso morreram os irmão de uma colega), enquanto no outro carro, de porte similar, os ocupantes tiveram apenas lesões leves.
    O que quero dizer que esse carro é tão ruim que nem se tivesse ABS e air bag seria um carro seguro.
    Mas brasileiro parece que gosta de lixo e ainda tem muita gente ignorante comprando esse carro nos classificados e pagando caro.

    • Bill 19 de outubro de 2011 às 09:59 #

      É verdade, ví um vídeo de uma batida na Argentina entre uma Ferrari e um gol bolota desses GIII, a Ferrari nem deu de frente, ela derrapou e deu com a lateral no golzim, pelo o que eu lí a motorista do gol, quebrou as duas pernas, deu fratura exposta, etc etc a batida foi forte sim, mas já vi casos onde houveram batidas mais graves envolvendo outros modelos e o motorista saiu praticamente andando.

      • Bremm 19 de outubro de 2011 às 15:11 #

        O único carro nacional que era possível considerar-se muito seguro foi o Omega (até 1998). Via de regra, a maioria dos bons projetos europeus (Mondeo, Vectra etc.) são automóveis com um bom projeto estrutural que absorve a maior parte do impacto e procura manter o habitáculo intacto.

        O Gol, como a maioria dos projetos nacionais “populares”, não prima pela segurança. Felizmente ainda existem fabricantes como o do Lobini (um fora-de-série nacional) que ainda se preocupam com a segurança de seus passageiros.

  2. mingau 19 de outubro de 2011 às 09:49 #

    só dar uma chupeta, lavar e pronto

  3. lucas 19 de outubro de 2011 às 11:05 #

    carro e mecanica,barata,mais falta de equipamento de segurança que falta,acorda volks,quanto é tempo,o mercado extrangeiro,eles que estao,mandado nos,nossos pais,fora ,disso carro bom,mas falta equipamentos,nescessarios!!!!!!!

  4. guest 19 de outubro de 2011 às 11:45 #

    Pode ser ruim de projeto,mas o que vc queria ? Uno ? Palio ? Ka ? É td a mesma porcaria ! Fácil falar quem tem R$ 50 mil na mão p/comprar um carro.Quem não pode comprar carro melhor(R$),tem que se contentar com isso ! E é melhor isso que Opala,Brasília,Passat,Corcel 2 e por aí vai.E olha,melhorou em 500% os modelos nacionais em relação a década de 80 e 90…

    • Márcio 19 de outubro de 2011 às 12:02 #

      Opala,Brasília,Passat,Corcel 2 são carros dos anos 80, vamos falar de carros dos anos 90, uma vez que Gol bolinha foi fabrucado entre 95 e 99. Nessa época teve muito carro bem mais seguro na faixa de 25 a 30 mil reais doq ue Gol bolinha. Quer que eu liste aqui? Que tal Peugeot velho e bom 206 só pra começar a lista?
      Fato é que o gol bolinha não seria vendido em qualquer país que exige crash test (carro chinês tem muito problema com isso).

      Se você ainda não se convenceu, então dá uma olhada neste vídeo: http://www.youtube.com/watch?feature=fvwp&NR=1&v=OI41ePfgx2c

      • DANIEL 19 de outubro de 2011 às 13:48 #

        Vi o video postado pelo Marcio e concordo plenamente, tendo em vista que o vilão não é só o Gol e sim a maioria dos carros que entitulam-se “populares” (a julgar pelo preço não são). O que ocorre no Brasil é o descasso das montadoras e também do governo pois seria o caso do governo exigir das montadoras que TODOS os carros nacionais tivessem de serie Abs e Airbag sob pena de não poderem ser comercializados. Para o governo e montadoras são medidas simples mas nós que somos consumidores ficamos impotentes diante da situação. Resumindo Quer ter segurança ? PAGA e paga caro ainda!!!

  5. Fernandogb 19 de outubro de 2011 às 12:10 #

    Muito pobre demais esse modelo denominado special,eu prefiro um carro mais antigo só que um pouco mais acabado e equipado

  6. matheus caetano 19 de outubro de 2011 às 14:27 #

    esse gol special não tem nada de especial, é basicão!!!

  7. Franchescho 19 de outubro de 2011 às 20:10 #

    Mano,Peugeot e Citroen usado eu não compro nem se for de graça,apesar de serem MELHOR que o Gol ! Esqueceram que estamos no Brasil ? Carro aqui além de meio de transporte,é “negócio” e essas marcas francesas só é bom enquanto é novo….Sou mais ficar na porcaria da VW mesmo e ter 80% do valor que paguei,quando for vendê-lo daqui a 5 anos ou mais ! E dps tem outra,QUANDO chegar sua hora amigo,vc pode estar dentro de um blindado que vai do mesmo jeito !

    • Márcio 20 de outubro de 2011 às 10:26 #

      Acho que o argumento mais sem lógica que existe é o tal de “quando chegar sua hora”, fala sério, preguiça mental é tanta que nem chegou a ver o link que postei. Veja lá a batida frente com frente entre a mercedes antiga anos 90 e o corsa.
      Já que não tenho como desenhar, vou falar aqui mesmo: trafegando na velocidade normal da via, se envolvendo num acidente, tendo culpa ou não, a PROBABILIDADE de não ter lesões graves é muito maior num carro com um bom projeto de segurança do que num golzinho bolinha.

  8. leandro 19 de outubro de 2011 às 20:58 #

    ese deve ta ai a um bom tempo

  9. thiagodacuca 20 de outubro de 2011 às 01:18 #

    Pobre gol, eu adotava, pode ser inseguro, isso aquilo como já foi dito, se tiver que acontecer algo, vai acontecer!
    O tucson é seguro, um porshe que mal tem 1,30 de altura bateu em um e a motorista veio a falecer, em tese, o porshe deveria ter ido pra baixo do tucson e o nome do morador do caixão seria outro…

  10. El Diablo Rojo 20 de outubro de 2011 às 02:40 #

    Esse virou “habitat” e hotel de pragas urbanas……ratos, baratas, formigas, etc… isso sem contar a catinga de jaula de macaco que deve estar dentro dele……..

  11. MaRiAs rommer 20 de outubro de 2011 às 08:03 #

    Tem gente que reclama do Gol e da VW…Esses carros podem ser inseguros,de projetos antigos e bla bla bla….Mas são os únicos que aguentam o batente,são pau p/td obra,econômicos,tem peças até na padaria,td mecânico arruma,além de ser simples,existe o fator de revenda,o que nenhuma outra montadora conseguiu até hj neste país.VW usado não tem ano p/comércio.Pode estar só o volante e motor que vende. Carro francês usado é um lixo. Ruim de peças,tudo caro,não é qualquer mecânico que mexe, perde mais de 50% do valor dps de uns anos e não é qualquer um que compra usado.Trabalho c/carros usados. Coloca 100 VW usados na loja. Vende tudo e rápido ! Coloca 10 Citroen/Peugeot usados…Se não fizer preço de custo e dar 1 milhão de vantagens p/o comprador,encalha !Se depender de mim,só trabalho com carro francês,okm.Usado nem pensar.É atraso de vida .

    • Márcio 20 de outubro de 2011 às 11:19 #

      Se você não percebeu, o Peugeot 206 foi citado apenas pela faixa de preço.
      Quer mudar o foco para montadora? Ok, então vamos lá, analise os carros da Honda. Tem todas as qualidade que você citou: mecânica confiável, valor de revenda em todas as categorias, fácil manutenção, peças com preços similar ao da VW. A diferença é que a Honda não faz lixo, o carros mais simples deles aqui no Brasil é o FIT, que foi eleito 5 anos consecutivos o melhor carro do Brasil. E foi avalição dos proprietários! Um dos meus carros é um Honda Fit e o único problema da Honda no Brasil é o preço praticado, bem alto, mas a VW faz o mesmo, cobrando absurdo num carro como o Fox, que está num nível abaixo do Fit.
      E o Civic? é um carro econômico, seguro, de mecânica na média de sua categoria (inclusive mais barata do que certos vorkesvágens por aí, como um sapo gordo chamado Golf ou uma certa baleia jurássica chamada Bora). Os propulsores desta geração, de 1.7 litro e comando variável atingiam médias excelentes de consumo (equiparáveis a de motores de 1 litro), bom desempenho em altos regimes, tudo isso com excelente qualidade de construção e equipamento, segurança e conforto.
      Viva no mundo real, procure entender um pouco mais sobre automóveis e então dê uma opinião mínimamente embasada, porque ficar lendo moleque dar palpite mais furado que camisinha paraguaia arrebenta o saco de qualquer um.

      • Jonas 20 de outubro de 2011 às 11:53 #

        Amigo, Honda Fit é pra quem tem algum….Viva você no mundo real e verá que este país é ainda miserável ao ponto de 80% da população só poder comprar VW Gol ….pra baixo ! Quem pode ter um Fit,Civic ? Só se for os Civics 1997 que já estão no bagaço da cana,custando 10% do que valiam quando novos ! Que crianção ! Pega um lixo de Gol 1997 e tá td aí nas ruas.Se vc tem R$,sorte sua. Mas não vem falar besteira ! O Brasil é diferente do seu precário raciocínio burguesinho. Se eu tivesse condições,compraria uma Hilux diesel e não uma porcaria de carro popular.

        • Márcio 20 de outubro de 2011 às 18:18 #

          Tô vendo que o nível baixou mesmo aqui…
          Você não sabe meu histórico de carros, se moro de aluguel ou não, quanto é minha renda, etc e vem me chamar de ‘burguesinho’ só porque sou firme na minha opinião de que Gol bolinha não presta e porque tenho um Honda Fit (para sua informação, ele é 2005 e financiado). Burgês financia carro 2005? Essa é nova!
          O Gol bolinha na época que era vendido zero km era um carro muito caro para o que oferecia. Pelo mesmo valor era possivel comprar carros bem melhores. Até hoje a Volks lesa os consumidores chegando a cobrar absurdos R$ 40mil num Gol G5 1.6 “completo”, mas que nem ABS e AIR BAG tem.
          Depois eu que sou o “crianção”… desisto. Vai lá e resgate essa “pérola” da volks e torça para nunca se envolver num acidente.

        • Silva 25 de outubro de 2011 às 00:15 #

          Um Civic 97 no bagaço da cana ainda é mais carro que um Gol G5 de quase R$ 40 mil.

      • Márcio 20 de outubro de 2011 às 11:56 #

        Uma observação: citei o Civic da geração 1999 a 2005 para pode comparar com o Bora e Golf

  12. thiago cristiano thomasi 20 de outubro de 2011 às 20:10 #

    e pelo jeito e novo,reparem na ultima foto na direita que e a serie especial

  13. Fernandogb 20 de outubro de 2011 às 21:10 #

    Comparado com hoje em dia,o gol special era muito barato,acho que custava uns 16 mil reais lá por 1998,99

    • Márcio 21 de outubro de 2011 às 06:57 #

      Era não, colega, hoje o equivalente ao Gol bolinha é o Gol G4, que inclusive é o mesmo projeto, com uma maquiagem apenas. O Gol G4 zero básico você vai encontrar por uns 28mil reais.

  14. Thiago Petinari 21 de outubro de 2011 às 10:28 #

    Essas fotos fui eu que mandei para o site. Só para complementar, algumas informações sobre esse carro, ele está no Cosme Velho há pelo menos 1 ano. Fiz o levantamento pela placa no Detran e esse Gol 1.0 2000/2001, placa do Rio de Janeiro, consta como Alienação Fiduciária desde 2005, a última vez que foi licenciado.

  15. BetoSosnoski 21 de outubro de 2011 às 14:05 #

    Gol nao presta mesmo, como preciso de adaptação de embreagem para conduzir esses dias atras estive cotando um gol para trocar meu mille 2006, e me surpreendi quando o vendedor da paraguaçu, revenda volks de foz, me pediu 47 chinelos em um gol 1.6 com cambio robtizado contando apenas com ar e direção, pelo mesmo valor do gol consegui um toyota corola 2008 completasso, show de bola, entendo a indignação do Márcio, quando vamos comprar um carro zero da volks a sensação que temos e que nos apontão uma arma para a cabeça, uma coisa digo, volks nunca mais…

    • Márcio 21 de outubro de 2011 às 14:26 #

      Eu não encontraria um exemplo melhor que o do colega Beto para expor meu ponto de vista.

  16. Santos 23 de outubro de 2011 às 11:08 #

    Tenho um Gol 1.6 MI, carro bom demais, econômico, manutenção relativamente barata e simples, gosto do meu Gol “bolinha”, já é meu fazem quase 5 cinco anos e detalhe, motor com 197.00 km rodados…e nunca foi retificado.

  17. Silva 25 de outubro de 2011 às 00:14 #

    Gol custa uma fortuna porque brasileiro acha que entende de carro e o trata como se fosse uma poupança. Essa história de carro inquebrável e de peças baratas acabou com a chegada do G3.

  18. tiago 24 de dezembro de 2012 às 23:58 #

    so lavar e botar gasolina pronto

Comentar no #CarroCultura!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: