O último Chevrolet Opala – XII

13 abr

E, com vocês… =)

Clique na imagem para vê-la em tamanho maior.

Anúncios

47 Respostas to “O último Chevrolet Opala – XII”

  1. Adolpho 13 de abril de 2011 às 00:48 #

    Como diria o Padre Quevedo: “Isso non ecziste”!!!!!!

  2. Fernando Pavani 13 de abril de 2011 às 01:45 #

    Então vamos ao meu pitaco:

    1) Logotipos fora de padronização;
    2) Encostos de cabeça modelo 91;
    3) Forração dos bancos em tecido;
    4) Pneus Continental, diferente dos Pirelli P500 utilizados pela Chevrolet.

    Essas observações foram feitas antes. A única tolerável é a alteração dos pneus, devido ao desgaste da borracha sem uso.

    Pois bem, fiz mais algumas observações:

    1) Pelo vídeo, o carro parece vinho. Pelas fotos, parece preto. Pelo blog, o carro é azul. O azul admissível em 1992, seria o azul Millos. Nas fotos, o carro, SE é azul, é Azul Drava, cor da linha 1991, e não utilizada em 1992. Isso seria condizente com a padronização dos bancos;

    2) Cadê as capinhas dos parafusos das rodas?

    3) O Opala que havia no depósito da Ulbra, pelas fotos que vi há algum tempo, não tinha bancos em couro e nem encosto de cabeça vazado. Pode muito bem ser esse Opala das fotos, mas não é o Opala que aparece no vídeo.

    4) E cadê a numeração de chassis desse carro?

    • Jefferson 13 de abril de 2011 às 10:43 #

      COlega, você não prestou atenção nos outros posts ou está só querendo aparecer mesmo? Já foi dito nos outros posts que o carro foi restaurado rapaz. E se até mesmo outro colega já mostrou que esse OPALA é o que estava no MUSEU DA ULBRA e isso está comprovado pela placa e pelas características do próprio carro justamente como os emblemas diferentes na mala traseira você acha o que, que o OPALA foi enviado pela GM ao MUSEU DA ULBRA porque era um OPALA qualquer e não o último? Porque não pensa um pouco antes de vomitar um monte de bobagens nos comentários aqui no blog colega? Se estiver só querendo se exibir aí sim faz sentido.

  3. Fernando Pavani 13 de abril de 2011 às 01:50 #

    Ah, faltaram esses pontos:

    -Cadê os selinhos de alarme, Road Service e controle de qualidade dos vidros?

    -Por que a tela do auto-falante não é original?

    E um critério subjetivo:

    -Por que um carro sem uso tem sacolinha para lixo presa no câmbio?

    • Jefferson 13 de abril de 2011 às 10:48 #

      Já li muita bobagem que o pessoal escreve nos comentários mas parabéns você bateu o recorde colega! Parabéns mesmo nunca li uma bobagem maior do que essa então porque um carro tem um lixinho junto ao cambio quer dizer que não é o último OPALA? Raciocínio bizarro o seu. O que uma coisa tem a ver com outra? Então se eu pegar um CAMARO zero quilometro e colocar um lixinho no câmbio dele o carro não é mais zero não é mesmo colega. Não se pode mais pegar um carro qu pelos relatos dos próprios posts do blog fica sempre em uma garagem sem sair para a rua e mandar lavá-lo em um lugar especializado em lavar carros. Por favor como disse antes pense antes de vomitar bobagens nos comentários, estraga o blog.

      • Caio Berndt 13 de abril de 2011 às 18:38 #

        bom, se o carro foi restaurado pelo dono colecionador que conhece muito bem a marca, como o blog já citou anteriormente, ele não iria despendear dinheiro para fazê-lo e deixa-lo de forma irregular, ainda mais errando coisas básicas como colar o logotipo, é até aceitável ele colocar os bancos errados, caso não tivesse os novos, mas errar nisso? sendo colecionador? e tendo dinheiro? não da pra acreditar neste papinho de último opala, pode ser um opala inteirasso mas último+perfeito=farsa

        • Jefferson 14 de abril de 2011 às 01:02 #

          É o que eu digo colega você e outros tiram conclusões pensando em suposições, raciocionio que acha correto mas não tem embasamento nenhum uma coisa é voce dizer que não entende o porque disso e daquilo e que não entende porque aquilo outro e que está um duvida outra é afirmar categoricamente que é uma farsa como vocÇe fez que tal se informar melhor ou esperar como o próprio blog disse haverá mais informações? Abraços

      • Fernando Pavani 14 de abril de 2011 às 12:50 #

        Prezado Jefferson, parabéns por ser um leigo na interpretação dos meus comentários alusivos ao assunto.

        Me chateou saber que o que escrevi, com um fundamento, foi tido como um monte de bobagens por ti, que nem deve saber ao certo a história do Chevrolet Opala.

        Os carros enviados pela GM ao museu da Ulbra eram todos com um motivo especial, não?

        Então me explique aquele Chevrolet Opala 1976 com grade do 1976 e emblemas do mercado paralelo colados com dupla face em exposição. Me explique a Caravan De Luxo com faixas do SS e interior marrom, que há pouco foi vendida em São Marcos- cuja procedência é bem interessante, mas não justifica-se sua presença no acervo de um museu. Me explique o Opala 1970 com calotas chapéu chinês, que como tu deve saber (ou não?), foram utilizadas entre 1975 e 1977.

        A justificativa mais aceitável é que esses Opalas pertenciam ao acervo da ULBRA, e não da GM. O mesmo pode ter acontecido com esse Opala.

        E pra te mostrar que não estou boiando completamente no assunto, respondo PARCIALMENTE uma questão levantada por mim: o selinho do Road Service não se faz presente porque o Opala que estava no depósito da Ulbra tinha o vidro traseiro quebrado.

        Mas todas as outras questões estão aí, sem resposta. Aguardo a numeração do chassis.

        Um abraço caro Jefferson.

        Desculpe-me por ter sido ignorante ao salientar que o lixinho era um critério subjetivo.

  4. Gm 13 de abril de 2011 às 01:59 #

    Aii ele ae !

  5. Gil Fixfex 13 de abril de 2011 às 02:01 #

    Ateh q enfim hein ???

    Aleluia !!!

    Bunito exemplar…quem sabe não aparecam outras raridades dessa !!!

    Abraço

  6. Gm 13 de abril de 2011 às 02:15 #

    Pelas observações feitas pelo Fernando Pavani, sabe q eu desacreditei q esse Opala ai é o ultimo fabricado? hehehe

  7. ingo 13 de abril de 2011 às 03:15 #

    ta mto bonito mesmo a placa devia ser cht =D

  8. junior 13 de abril de 2011 às 08:28 #

    Carro cultura , por favor nos de uma prova concreta de que este carro é o do video.
    Acho pouco provavel que este seja o ultimo opala produzido, tendo em vista as contradições como os encostos de cabeça, a cor e principalmente os logos colados errados que foi uma verdadeira mancada.

    • Jefferson 13 de abril de 2011 às 10:52 #

      Colega não faça por favor como o outro aí de cima leia os posts antes de comentar já foi dito que o OPALA foi restaurado você não leu?

      • junior 13 de abril de 2011 às 11:12 #

        Jefferson com todo respeito a você e ao blog, confesso que tenho minhas duvidas, mas na verdade o que eu quis dizer foi o fato da restauração que não foi tão boa, deram varias mancadas, e se tratando do ultimo opala deveriam ter tido mais cuidado com sua restauração. Abraços amigo.

        • Jefferson 13 de abril de 2011 às 11:49 #

          Nesse ponto também concordo com você colega e plenamente, só acho que uma coisa não invalida a outra. Abraços

  9. Helinho 13 de abril de 2011 às 10:20 #

    sendo o ultimo ou nao, vale a pena apreciar pela conservação.

    abs

  10. Jefferson 13 de abril de 2011 às 10:54 #

    Lindo carro fico muito feliz por saber que um pedaço da memória da industria automobilistica nacional está guardado mesmo que com um particular.

  11. Rogério 13 de abril de 2011 às 11:49 #

    …qui bom… tão diferente de qualquer outro Diplo 92, por aí… Nem o estado de conservação é melhor…

  12. lucas 13 de abril de 2011 às 12:15 #

    ha agoraa sim carro cultura mudando um pouco de assunto vc tem a placa do monza azul no carros orfaos ele se encotrava no andarai se tiver carro cultura m passar a placa dele ai abraços!!!!

  13. Ivan Lima 13 de abril de 2011 às 12:15 #

    Sinceramente, não consigo acreditar que este tenha sido o último Opala fabricado no Brasil. Isto por uma série de detalhes já levantados aqui por várias pessoas (encosto de cabeça, padronagem dos bancos, etc). Acredito, sim, que seja um daqueles carros que alguem jamais põe em uso, mantendo como zero Km – neste caso, valendo-se ainda do fato de ter sido carro de museu por um bom tempo, o que não é contestado.
    Foi feita uma reforma regular – pois muitas coisas não foram repostas como no original – e pode até mesmo ter esta pouca quilometragem. Mas, sinceramente, duvido que seja o último Opala produzido, principalmente pelas diferenças entre o carro do filme e este.
    Me parece mais que alguem possa ter comprado “gato por lebre”, ao confundir na hora da compra um Opala “Zero Km” (que era do museu da Ulbra) com o último Opala produzido.
    Acredito que, se for para esclarecer tudo de uma vez por todas, seria interessante consegurimos o número do chassi e consultar a General Motors sobre a realidade.

  14. walther 13 de abril de 2011 às 12:35 #

    ngm parou pra pensar que esse opala de fato estava no Ulbra, mas nao necessariamente seria o ultimo.

    eu acredito que realmente ultimo opala, ficou pra alguem grosso dentro da gm

  15. Marcelo 13 de abril de 2011 às 12:55 #

    Eu estou rindo até agora de vocês, se matando pra descobrir se o carro é mesmo o último fabricado, brigando entre si, levando puxão de orelha do moderador do blog como se fossem criancinhas de creche e agora, ao ver a foto do carro, ficam todos dizendo tudo o que foi dito novamente, que o carro não é o último, etc, hahahaha
    Este suspense todo foi com o objetivo de aumentar a audiencia do blog, ninguém se deu conta disto. Ficaram vários dias apertando F5 feito bobos.
    Tá, taí a foto do Opala, e agora? As vidas de vocês melhoraram?

    Apesar de ter mesmo erros de acabamentos, este Opala tá bem bonito. Fim de papo!!!

  16. cuzoppa 13 de abril de 2011 às 13:43 #

    Senhores…
    To vendo várias discussões por causa deste OPALA que ele seja o oultimo ou não…
    Oque importa é que ele está inteiro…
    Só me resta uma duvida alguem pode provar que este carro estava na ULBRA – com fotos..
    Para podermos minimizar um pouco o monte de briga que está rolando no forum…
    E tem maus uma coisa se os emblemas estão errados.
    É simples tirem eles e colem no lugar correto…
    FIM de PAPO ai a restauração fica perfeita…

    • Jefferson 13 de abril de 2011 às 14:27 #

      SIm colega é só ver nos comentários de outros posts outro colega postou a foto do carro no MUSEU DA ULBRA, abraços.

      • cuzoppa 14 de abril de 2011 às 01:03 #

        Opa Legal qual dos tópicos que está

  17. walther 13 de abril de 2011 às 13:53 #

    se ele ficou tanto tempo num local fechado, pq a diferença de tom entre o farol e o pisca?

    só pra esquentar mais um pouco…

    • Jefferson 13 de abril de 2011 às 14:28 #

      Você não leu que o carro foi reformado colega?

    • Marcelo 13 de abril de 2011 às 14:49 #

      @walther: A diferença entre o farol e o pisca de deve ao fato do farol ter refletor cromado e lente de vidro e o pisca ter refletor pintado de aluminio e lente de plástico.
      Como tem gente que só usa o cérebro pra rechear o crânio, meu Deus quanta burrice!!!

  18. alex souza 13 de abril de 2011 às 14:31 #

    vocês querem ver carros conservados de vdd acessem http://www.reginaldodecampinas.com.br, alias mandei um email pra revista Fullpower edição de março e o blog foi citado inclusive como adoção virtual, como avisei o moderador e não vi nenhum comentario, faço eu mesmo, saimos na revista abraços

    • alex souza 13 de abril de 2011 às 14:32 #

      corrigindo inclusive com topio adoção virtual

  19. paulo eduardo 13 de abril de 2011 às 17:21 #

    este carro já foi pintado

    • Jefferson 14 de abril de 2011 às 01:05 #

      E foi você quem pintou, acredito que tenha sido para ter tanta certeza apenas vendo uma foto! Abraços

  20. Fernando Rodrigues 13 de abril de 2011 às 18:00 #

    Quem acha que esse carro tem mesmo 167 km rodados deve ser um bom entendedor de carros heim. Carro ser restaurado com essa baixa quilometragem? Não existe me desculpem. A um tempo atrás fiquei sabendo de um Gol GTS ano 88 que tinha uns 200 kms rodados,ficou largado,um rapaz o encontrou e o comprou,apenas o lavou,fazendo um polimento e trocou umas peças já meio enferrujadas e os pneus,não precisou de restauração alguma…esse Opala me desculpem mas só acredito vendo notas fiscais e etc…mas claro não estou exigindo nada,mas acho que a maioria aqui do blog que visse esses papéis iriam calar a boca,inclusive eu. Abraços

  21. skunk 13 de abril de 2011 às 18:08 #

    Se esse foi o ultimo opala, me desculpem mas foi muito mal cuidado e restaurado.. até o emblema dianteiro pintaram uma parte.. por favor!

  22. l ol 13 de abril de 2011 às 21:46 #

    Acabou?

  23. Tiago 13 de abril de 2011 às 23:24 #

    Não duvido que esse carro seja mesmo o ultimo Opala, só não acredito na quilometragem, mas é o seguinte, como tem a placa eu vou ligar na delegacia e pedir pra consultar, ai quem sabe da pra saber mais alguma coisa sobre esse carro.

    • Jefferson 14 de abril de 2011 às 01:08 #

      Bacana finalmente alguém que tenta se informar direito antes de sair vomitando bobagens sem saber e só vendo uma foto, parabéns colega! Agradeço se postar a resposta que obtiver! Abraços

  24. M. Puoci 14 de abril de 2011 às 00:03 #

    Caros irmãos Rocha. Fiquei um pouco aborrecido com a falta de diálogo com os senhores por aqui. Acompanhava o “Carros Órfãos” desde meados de 2009 e inclusive colaborei com o primeiro post do “Carrocultura”, assim, me considero um leitor/colaborador assíduo. Já lhes defendi trocentas vezes em acalorados debates com Deroci, Russel, Eurico Jr. dentre outros que foram perdidos na rede… Porém, fiquei chateado com a ausência de uma resposta (qualquer que seja, bastaria dizer “não sabemos”) para dois comentários que fiz nos últimos dias. Por mais que tenha tentado (como outros) entender na prática qual a história deste carro, vocês se dispõem a responder apenas comentários do tipo “quanto tão querendo no carro?” ou “não acredito na km pq tá faltando a tampinha da válvula do pneu…”, deixando a ver navios amantes de carro “causídicos” como eu. Acredito que muitas vezes as histórias acrescentam muito a um carro que poderia ser como qualquer outro e esse Opala certamente tem muita história… Não deixem que se percam aqueles que realmente valorizam seu trabalho e que querem conversar, debater sempre com embasamento para que algo possa ser acrescentado.
    Expresso apenas minha opinião pessoal, mas acredito que alguns devem concordar comigo.

    Att.

    Marcos.

    • carrocultura 14 de abril de 2011 às 00:23 #

      Salve, como dissemos antes assim que tivermos mais informações e fotos repassaremos imediatamente. Recebemos só mais uma foto agora que publicaremos em instantes e a fonte está viajando a trabalho, estamos com dificuldades para contatá-la. Abraços.

  25. DANYEL PARTS 14 de abril de 2011 às 00:28 #

    AMIGOS,SIMPLES O ULTIMO OPALA SAIU COM UM HISTORICO COMPLETO,NOTAS ADICIONAIS,MANUAL EXTRA.ETC..TUDO COMPROVANDO QUE ERA O ULTIMO OPALA,ESTE TEM QUE TER.
    OUTRA O CARRO FOI ENVIADO ZERO PARA A ULBRA E COMODATO VINDO E SER VENDIDO,OUTRO A GM AINDA TEM VALEU..MOTIVO PELO QUAL ELA VENDEU ESTE,E CARRO 0KM COMO ERA O CASO NÃO PRECISA DE RESTAURO.O DA ULBRA ESTAVA TODO EMPOIRADO MAS EM PERFEITO ESTADO,SEM 1 RISCO.AI TEM COISA.

    • Jefferson 14 de abril de 2011 às 01:10 #

      Olá colega seria legal se você dissesse de onde vieram essas informações não, para repartir com os demais colegas! Abraços

  26. DANYEL PARTS 14 de abril de 2011 às 00:35 #

    AMIGOS, ESQUECI DE COMENTAR ,TEM UM 92 AQUI NA MINHA CIDADE TRANCADO A 7 CHAVES COM EXATOS 221 KM RODADOS,PRETO, DE LONGE MUITO MAS NOVO QUE ESTE DO BLOG,A VUIVA DO EMPRESARIA ATÉ VENDE,ELE TEM MAIS 18 CARROS.
    NO OPALA ELE PEDE 45 PAU,ALGUEM QUER ?

  27. paulo eduardo 14 de abril de 2011 às 10:18 #

    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
    Disse aí em cima que este carro já foi pintado e o JEFERSON veio com duas pedras e um tacape pra cima de mim . KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
    E continuo dizendo: ESTE CARRO JÁ FOI PINTADO. COMO QUALQUER CARRO QUE SAI DE FÁBRICA. KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    Tanta discussão por causa de um carro. Queria ver todos aqui exigirem um combustível com um preço descente e não o absurdo que está a gasolina e o álcool.

  28. andrew bergamo 15 de abril de 2011 às 16:29 #

    eu acho estranho um carro com 167 km, estar com o volante gasto também, liso….esse daí não tem banco de couro como o que aparece no video, e também, um carro com 167 km ser restaurado a ponto de mudarem até os bancos? a quem estão querendo enganar?

  29. Artur 4100 6 de maio de 2011 às 11:56 #

    o último DP possuia bancos em veludo…

  30. Gil 19 de maio de 2011 às 19:58 #

    Olha ele aí:

Comentar no #CarroCultura!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: