Órfãos: Chevrolet LUV 2300

29 nov

Lembram-se da Chevrolet LUV órfã em Pinheiros, São Paulo? Atualizamos a pobre picape, que continua parada exatamente no mesmo local, e adicionamos imagens em vários ângulos com melhor resolução… e no interior, surpresa! Vejam a cor dos bancos… =)

Clique nas imagens para vê-las em tamanho maior.


Anúncios

14 Respostas to “Órfãos: Chevrolet LUV 2300”

  1. Marcel 29 de novembro de 2010 às 20:54 #

    A luminosidade engana… são bancos azuis?

    • carrocultura 29 de novembro de 2010 às 23:16 #

      Sim, azuis! Para combinar com o exterior. =) Abraços!

  2. cassiano 29 de novembro de 2010 às 20:55 #

    os bancos são show de bola.

  3. Henry Miranda 29 de novembro de 2010 às 21:02 #

    Pessoal quem souber posta o endereço de onde está o carro 🙂

    Abraços

  4. Bruno Freitas 29 de novembro de 2010 às 21:02 #

    o tecido dos bancos é jeans??

  5. Fernando Rodrigues 29 de novembro de 2010 às 21:30 #

    Jeans? kkkk. Tá ai uma caminhonete que eu nunca vi..

  6. leandro 29 de novembro de 2010 às 22:14 #

    legal essa luv gostei dos bancos

  7. carlos vida 29 de novembro de 2010 às 22:44 #

    a pick up ta zerada! muito linda! e que interior show de bola! sera que as peças dela não sao compartilhadas com a “nossa” S10??

  8. Fernandogb 29 de novembro de 2010 às 23:24 #

    Acho muito bonita essa caminhonete,como será que ela chegou no Brasil???

  9. Jannos 30 de novembro de 2010 às 10:19 #

    Essa picape é chilena. O adesivo traseiro com o nome COSECHE entrega a origem dela. A COSECHE é uma das maiores concessionarias Chevrolet/Opel daquele pais. Provavelmente seja o modelo intermediario DL. Tratando-se de uma picape barata e como os preços dos carros no Chile são ridiculos de tao baratos nao me impressiona que esteja abandonada ai. O cara voltou pro Chile de aviao! hehehe

  10. Winchester 30 de novembro de 2010 às 10:47 #

    vcs receberam o e-mail que eu enviei? com um ford antigo? caso não tenham recebido me passe o e-mail certo que eu envio.

  11. Luiz Fernando 30 de novembro de 2010 às 11:27 #

    Interior monocromático geralmente casa muito bem com o carro. Meu sogro tem um xodó, um Monza SL/E 2.0 álcool 1989, azul metálico claro (cor clássica dos Monza do final da década de 80) com interior monocromático. Os tecidos, tanto das portas quanto dos bancos, são cinza, mas todos os plásticos (painel, acabamentos das portas, das colunas, etc) são azuis, como os bancos dessa pick-up. É muito bonito e um dos opcionais mais caros na época.

  12. Robert Pira 30 de novembro de 2010 às 11:57 #

    Olha, é somente uma hipótese. Os leilões de carros do SENAD, (Secretária Nacional Anti-Drogas) contém veículos usados no tráfico, e principalmente perto da fronteira, são apreendidos alguns veículos de nacionalidade estrangeira. Esses veículos (os estrangeiros) são leiloados como sucata, independente do seu estado de conservação, Assim, há a possibilidade da Luv 2300 ter sido adquirida dessa forma, pois está sem placa, e é um carro encontrado nos países que fazem fronteira com o Brasil.

  13. FES 17 de março de 2011 às 14:05 #

    Parece uma versão da Mazda B2200 com a grade frontal diferente.

Comentar no #CarroCultura!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: